Salvador: atraso no envio adia início de testes para o covid-19 em blitze

O secretário municipal da Saúde, Léo Prates, informou que um atraso no envio dos 100 mil testes rápidos para a covid-19 adquiridos pela prefeitura vai atrasar o início das blitzes para diagnóstico da população, que deveriam começar nesta segunda-feira. Por conta do problema de logística, a nova previsão é de que os testes comecem a ser aplicados a partir da próxima quarta-feira (8).Ainda segundo Prates, os detalhes da operação ainda estão sendo definidos.

A novidade foi anunciada pelo prefeito ACM Neto na última quarta-feira (1º). Na ocasião, ele informou que a chegada dos testes era aguardada para o final de semana. Inicialmente, 50 mil testes serão realizados na população da capital baiana nessa primeira etapa. Outros 50 mil serão feitos em seguida. 

O esquema de testes funcionará através de uma parceria entre a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador) e a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) com a realização de blitze para medição da temperatura das pessoas. 

“Nós não vamos parar o trânsito, vamos fazer um sistema parecido com as blitze de alcoolemia. Se as pessoas apresentarem febre, elas descem, a gente faz o teste e envia pelo celular o resultado”, afirmou o prefeito na ocasião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *