Mauro Cardim propõe projeto para suspender pagamentos de empréstimos consignados do funcionalismo público por 90 dias

O presidente do Instituto Metropolitano de Desenvolvimento Social e Inovação (IMDI) e empresário, Mauro Cardim, vai encaminhar ao presidente a Assembleia Legislativa, Nelson Leal (PP), uma reivindicação para que seja colocado em pauta na Casa um projeto para suspender o pagamento dis empréstimos consignados dos funcionário públicos por 90 dias ou até durar a pandemia do novo coronavírus no estado.

Cardim afirma que está articulando com Benito Gama para que os deputados federais do PTB também criem um projeto em âmbito federal Segundo o empresário, estados como Goiás e Sergipe já aprovaram o projeto.

“O objetivo é trazer mais fôlego financeiro, diante do novo contexto econômico. A expectativa é de que essa medida beneficie os milhares de servidores federais, estaduais e municipais da Bahia”, disse Mauro Cardim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *